7 de jun. de 2021

Atos 5:29 (NVI)

Então Pedro e os demais apóstolos afirmaram: É mais importante obedecer a Deus do que aos homens.- 

Os apóstolos e discípulos receberam de Cristo a desafiadora missão de anunciar o Evangelho. Contudo, os líderes judeus rejeitaram, recusando ouvir e tentando impedir que eles pregassem a mensagem do Senhor Jesus. Nos nossos dias, vivemos limitações diferentes, mas as imposições são bastante semelhantes. Os homens que rejeitam a Deus, com suas agendas seculares e sua ideologia dominante, tentam silenciar o Evangelho genuíno. 

Mas, importa mais obedecer a Deus que os homens. Se esforce para viver os princípios e valores da Bíblia Sagrada, custe o que custar. Anuncie toda a Palavra de Jesus Cristo, mesmo que alguns rejeitem ou tentem impedir. Nenhuma instituição humana vai cumprir essa tarefa que compete à Igreja de Deus. Por isso, na força do Espírito Santo, revista-se das armas que Deus dá e testemunhe a Salvação de Jesus ao mundo. 

Obedecendo a Deus primeiramente!
• Reflita: Você concorda ou se inclina favoravelmente a temas atuais que a Bíblia não apoia? Sente vergonha de dizer que é cristão evangélico para conhecidos descrentes?
• Assuma uma conduta cristã, dentro e fora da igreja. O mundo precisa ver o caráter de Cristo espelhado no Seu povo.
• Ouça a voz de Deus (sua Palavra) e obedeça fielmente aos seus mandamentos.
• Ore e dê testemunho do que Cristo tem feito em sua vida. Fale e viva o amor de Deus.
• Não se omita. Marque a diferença mantendo uma postura cristã, estável e sábia. 

Oremos:
Senhor Deus, ajuda-me a obedecer a Ti, em 1º lugar, sem temer o julgamento e rejeição dos outros. Que eu siga a Tua Verdade, mesmo que os homens defendam a mentira e amem a escuridão. Ensina-me a viver a fé ardente, baseada nos princípios bíblicos, e a testemunhar com coração puro o Teu amor verdadeiro. Que a minha consciência seja governada pelas tuas Leis, acima dos padrões humanos. Em nome de Jesus, Amém! 

Qualquer dúvida, entre em contato conosco:
Pr.Devitto
Fonte: bibliaon.com 

Nenhum comentário:

Postar um comentário